Nail Frida: o cortador de unhas perfeito para bebês

Oie Gente!

A Bia, assim como a maioria dos bebês, nasceu com as unhas um pouquinho cumpridas. E é claro que quando eu amamentava ela  se grudava em mim e as unhas dela ficavam me beliscando. As unhas dela pareciam estiletes de tão afiadas. E além disso crescem super rápido!

Mas é claro que como mãe de primeira viagem e com uma filha recém nascida cortar a unha era um pavor. Imagina se eu acabo cortando ela?! E apesar de afiada a unha é tão pequena e os dedinhos tão fininhos…

Enfim, eu sabia que era necessário cortar a unha mas ao mesmo tempo criar coragem de cortar era um grande problema. Foi então que uma grande amiga minha (a mesma que indicou o termômetro “mágico”) me indicou o cortador de unhas perfeito para bebês: o Nail Frida.

Leia Mais…

Receita de Massa na Panela de Pressão: rápida, fácil e deliciosa

Oie Gente!

Ser mãe, especialmente quando a criança ainda é pequena, é uma correria só! Não temos tempo para nada. Fazer compras no supermercado, lavar a louça, fazer a mão ou conseguir um tempo para ver as amigas é difícil. Então ficar na cozinha fazendo receitas muita complicadas e longas é impossível.

Para conseguir fazer um almoço entre uma mamada e uma troca de fralda só com receitas fáceis e rápidas! Por isso, na hora do almoço ou quando recebemos amigos para jantar aqui em casa procuro algumas receitas que me ajudem a fazer uma refeição de sucesso e sem muito esforço.

Leia Mais…

Termômetro Mágico: como medir a febre sem stress

Oie Gente!

Eu sou da época do termômetro de mercúrio. Aquele que era de vidro e tinha que ficar com o braço fechado bem apertado contra o corpo por um tempinho para descobrir se estava com febre. Era esse o termômetro que a minha mãe usava em mim quando eu era criança. Imagino que não era nada fácil medir a minha febre já que eu nunca estava parada, ainda mais doente.

Depois veio o termômetro digital, que eu adorei porque não era mais de vidro e tinha o visor eletrônico. Mas ele também tinha que ficar embaixo do braço. Logo, o problema continuava para as mães que precisavam medir a febre das crianças.

Quando engravidei comecei a pesquisar o que tinha de novidade no mercado de termômetros. Já tinha ouvido falar de um termômetro a laser que precisa colocar dentro da orelha da pessoa e o resultado era na hora. Apesar de acreditar que ele funcione perfeitamente fiquei com um pouco de medo de machucar o ouvido da Bia sem querer.

Leia Mais…